Dicas e Dúvidas sobre o que Pode e não Pode levar na Mala

Acabo de voltar do Brasil! o/ Estive por aí todo o mês de Março! Sempre que vou visitar a família, levo na mala muitos presentinhos! Não pode faltar, claro, algumas garrafas de vinho e produtos gastronômicos. Não devo ser a única que quer levar um pouquinho da Itália na mala, não é mesmo?! Neste artigo vou tirar algumas dúvidas sobre o que podemos ou não podemos levar na bagagem, e como condicionar as garrafas de vinho e azeite para evitar acidentes. 

 

Como levar vinho na mala?

Sabia que existem malas específicas para o transporte de vinho?! Bom, mas não é esta a solução que tenho pra vocês! rs! Tudo que vocês irão precisar é de plástico bolha, tesoura e fita adesiva. Corte retângulos de cerca 50×60 cm, o suficiente para das duas voltas na garrafa. Prenda as extremidades com a fita adesiva.
Primeira fase, completada! Agora temos que condicioná-las dentro da mala:
1. Faça uma primeira camada de proteção com as roupas mais pesadas, como calça jeans, em modo a formar um “travesseiro” para as garrafas.
2. Posicione-as em modo alternado e proteja-as das laterais com roupas
3. coloque roupas entre elas, para evitar o contato direto, ou enrole-as mais uma vez com uma peça de roupa.
4. faça uma nova camada de roupas cobrindo tudo, como um “travesseiro” de proteção superior.
Ecco fatto!
 

Malas para vinho Lazenne

Se você é um apaixonado por vinhos e pretende levar importantes rótulos italianos, meu conselho é comprar uma mala especial para o transporte de garrafas, assim, chegando ao Brasil, você terá a certeza da integridade do produto! Eu tive a oportunidade de conhecer e usar as malas da Lazenne com capacidade de 6 a 15 garrafas. Este é o jeito mais prático e principalmente seguro de transportar não somente vinho, mas também azeite e cerveja. Para conhecer a linha completa e escolher a versão ideal para você, visite o site da Lazenne.

Quantas garrafas de vinho posso levar para o Brasil?

A regra básica da receita federal nos permite levar até U$500 de produtos sem pagar impostos. Dentro deste limite monetário, podemos trazer até 12 litros de bebida alcoólica, ou seja, 16 garrafas de 750ml. No Duty Free podemos adquirir outros U$500 de produtos, e um máximo de 24 garrafas (não mais que 12 do mesmo rótulo). Devido ao limite de U$500, o meu conselho é de conservar todas as notas fiscais de compra.
Caso a sua compra supere os U$500, você deve dirigir-se ao Bens à Declarar. O imposto único de importação é de 50% sobre os bens trazidos. Caso você se arrisque e seja pego, a multa é de 100% sobre os bens trazidos que superaram os U$500.

Que produtos gastronômicos posso levar para o Brasil?

Recentemente a Vigiagro (Vigilância Agropecuária Internacional) liberou a entrada de produtos de origem vegetal e animal no Brasil! \o/ Isso significa que podemos levar na mala os maravilhosos queijos, presuntos e salames italianos que, no entanto, devem ser declarados.
Outros produtos industrializados, como chocolate, azeite (!!!), suco, arroz, chás são permitidos! 🙂
Se ficou alguma dúvida ou explicação faltando, escrevam aqui em baixo nos comentários que procurarei responder à todos, ou visitem a página da Receita Federal ou baixe o Guia Prático do Viajante.

Deixe seu comentário

10 comentários

  1. Babi, sempre trago muitas garrafas de vinho na mala rs Não as enrolo em plásticos bolha pois esses fazem volume. Minha técnica é colocar cada garrafa dentro de uma sacolinha plástica (para não vazarem caso elas quebrem) e depois enrolar nas próprias roupas e nunca deixar uma co0ladinha com a outra para elas não se chocarem. Tem dado certo. Quanto a quantidade limite, li outro dia que o limite é 12 litros de vinho ou seja 16 garrafas de 750ml.
    Trago também café, sal de cervia, balsâmico e sempre alguns produtinhos rs
    Espero ter ajudado

    Bjs
    Dani

  2. Oi, Dani!
    Eu no início também fazia como você (saco+roupa), até um dia ter minhas roupas aromatizadas à azeite de oliva extravirgem toscano!!! Desde então, não arrisco mais…
    Quanto aos 12 litros, tem razão! Eles devem ter mudado isto há pouco tempo, pois a informação que tinha era d 9 litros! Melhor para nós!!! 😀
    Bjos e obrigada pela visita! 😉

    1. Myrian Signorinicomentou

      Também sempre trago os vinhos e azeite em plástico bolha para evitar qualquer problema. Abraços.

  3. Ei babi, vou viajar pela primeira vez para Europa e vou passar uns dias na Itália e Claro pretendo comprar vinhos, ja que amooooo!!!! Pegarei um avião de Roma para Londres antes de vir para o Brasil. Gostaria de Saber se posso transportar os vinhos na mala de mão de Roma para Londres. Obrigada. bjs

  4. Oi, Sirlei! Infelizmente você não pode transportar líquidos em bagagem de mão em nenhum trecho aéreo… O máximo de líquido que vc pode levar tem que estar dentro de um pote de 50ml…

  5. james chapettacomentou

    estou indo para a Italia e fiquei sabendo quye a Cia Alitalia não transporta vinhos, é verdade isso?
    vou de Veneza para Londres de de la de volta para o Brasil mas estou com medo de não pode sair da italia com os vinhos que pretendo comprar.

    1. Oi, James! Eu sempre levo vinhos na mala despachada e já viajei com TAP, TAM e Alitalia. o que não pode é levar vinho na mala de mão.

  6. Laudiana de Andrade Braga Mendonçacomentou

    Gostaria de tirar uma dúvida! Eu vou para a Itália, visitar parentes. Porém, gostaria de levar na mala, jalecos, batas, para vender. Eu posso?

    1. Oi, Laudiana! Eu não sou especialista no assunto, mas muito provavelmente você não pode levar artigos para vender na Itália sem ter documentos que te autorizem. Provavelmente existem taxas a serem pagas… Melhor se informar direitinho no site do ministério de comércio exterior italiano/brasileiro. Abraços!