Quanto Custa Viver na Itália?

Viver na Itália é o sonho de muita gente! Aliás, era o meu desde que entrei na universidade de arquitetura em 2004. Passei os 5 anos da faculdade me preparando, aprendi italiano, e fazia diversas pesquisas de qual curso fazer, onde morar e principalmente quanto custaria tudo isso. Adoraria ter encontrado a resposta de todas as minhas perguntas, mas as tive só com o tempo e experiência… Por sugestão também de alguns leitores, resolvi escrever este artigo para dar uma noção de custo de vida em Florença.

certaldo_09

Aluguel

Este é o gasto que mais pesa no final do mês. Os aluguéis em Firenze não são dos mais caros, mas também estão longe de ser um dos mais baratos da Itália! De forma geral, não varia tanto de bairro para bairro, seja no centro ou nos arredores. As tipologias são monolocale (tipo uma kitchenette), bilocale (significa quarto e sala provavelmente com cozinha junto), trilocale (quarto, sala, cozinha) e assim por diante… Os preços partem de cerca 550/600 euros por mês. Um trilocale se encontra por cerca de 900 euros por mês. A maioria deles já vem mobiliado. Teria muita coisa pra falar sobre o aluguel, então escrevi um artigo explicando melhor somente este ponto, com dicas, contando como foi a minha saga para encontrar um apartamento! veja aqui.

Condomínio
Os prédios não costumam ter recepção, garagem, as vezes nem elevador, então os custos são mínimos de limpeza e luz. Pode custar a partir de uns 15-20 euros por mês.

zona-oltrarno
Bairro de Oltrarno, próximo ao Palazzo Pitti

Água, Luz e Gás
Varia muito de acordo com a época do ano, por causa do uso do aquecedor no inverno. A maioria dos sistemas é à gás e o ideal é procurar pelo sistema independente, onde você determina temperatura, e não pelo sistema comum que é igual para todos do condomínio. O gás na Itália é caro e pesa no orçamento durante o inverno. É possível gastar até mesmo mais que o dobro que nos meses quentes. Para ter uma ideia de valores, se considerarmos um apartamento de cerca 80 m² com 2 pessoas, no verão/primavera as contas vão girar em torno a 100-130 euros, enquanto que no inverno/outono por volta de 200 euros. Um detalhe: geralmente as contas são bimestrais.

Internet e TV à Cabo
As principais operadoras que oferecem internet wi-fi em casa são Wind, Vodafone, Fastweb e Tim. O preço mensal varia pouco, entre 25-30 euros por mês e algumas delas incluem minutos para telefone fixo.
As TVs pagas são basicamente duas, a Sky e a Premium e o preço é cerca de 30 euros por mês, sem pacotes de canais de filme e futebol que custariam um extra de cerca 10-15 euros/mês.
A Rai, que é a rede italiana publica com mais de 15 canais, te obriga a pagar uma taxa anual que gira em torno à 120 euros. Não importa se você já paga a tv via satélite ou mesmo se não tem tv em casa. Sim, isso é uma coisa muito estranha…

Celular
Vocês vão dar risada de quanto isso aqui é barato na Itália! As operadoras são as mesmas que citei antes para a internet em casa. Eu dou exemplo do meu pacote (chamado aqui de “abonamento“), que custa 10 euros por mês com direito à 480 minutos, 480 SMS e 2Gb de internet. Dai com mais 3 euros eu inclui um numero preferido para chamar ilimitadamente. Ou seja, gasto 15 euros por mês de recarga e os 2 euros que me sobram servem para chamar o Brasil à (pasmem) 8 centavos/minuto.

Supermercado
A alimentação não é cara e os supermercados fazem muitas promoções, e boas, de até mesmo 50%, além de programas de pontos para trocar por prêmios. As duas melhores e maiores redes são Esselunga e Coop. Os mercadinhos do centro costumam ser 30% mais caros. Tem que ir nos grandes, longe do centro, para encontrar preços bons. O gasto mensal para duas pessoas gira em torno de 200-250 euros por mês. Dou alguns exemplos de custos:
– 1 litro de leite €0,85 / €1,30
– 1 litro de suco de laranja €1,10
– 1 Kg de massa Barilla €1,00
– 1 Kg de arroz  €2,50

Iniciativa ecológica modelo no supermercado Coop! Cereais vendidos à granel! 🙂

Transporte
Se você morar no centro, basta comprar uma bicicleta para ir pra todo lugar! É o melhor transporte! Leia: Uma Bicicleta para Chamar de Minha
Se você precisar usar o transporte público diariamente, o ideal é comprar o bilhete mensal que custa 35 euros o normal e 22 euros o estudante que te dá direito à usar ônibus e tram ilimitadamente.
Os custos com carro são um pouco mais caros. O seguro é obrigatório, feito anualmente (poucos parcelam por mês) e o valor varia muito de ano, marca, modelo… é difícil dar uma média. Também tem que pensar que será provavelmente necessário pagar uma garagem.

pienza-19

Espero ter ajudado vocês a terem uma ideia dos custos de vida aqui na Itália! Lembrando que alguns destes valores que passei, como aluguel e alimentação são específicos de Firenze, enquanto outros, como internet, celular, etc, são comuns em todo o país.

Se alguém tiver alguma pergunta, deixe aqui em baixo nos comentários que eu responderei assim que possível. Peço que me escrevam aqui e não por e-mail, pois assim a sua dúvida pode ser a de outra pessoa. E se tem algum brasileiro que mora na Itália, em outra cidade, e quiser deixar o seu depoimento de custo de vida aqui nos comentários, será super bem vindo!!! 🙂

Deixe seu comentário

264 comentários

  1. Itália para brasileiros é muito cara, especificamente Roma é mais caro que essa região onde vive?

  2. Oi Babi. Estou em processo de reconhecimento da cidadania italiana e adoro ler o que posta. Já estive em Firenze duas vezes e amei. Você sabe como é emprego para enfermeiros ai? Já sei que preciso pedir o reconhecimento do meu diploma, mas não sei como é o mercado de trabalho.
    Obrigada por dividir suas experiências conosco.

  3. Anônimocomentou

    Bom dia, advogado aqui na Itália ganha pouco pelo menos daquilo que escuto na minha região.
    Para dar certo vc vai precisar encontrar um bom escritório a Milão ou roma que tem relações com o brasil.

  4. oi Babi você esqueceu o custo dos restaurantes e pizarias de vez em quando ! mesmo assim de um abraço a toda Firenze o meu coração esta ai e o meu desejo é um dia poder voltar

  5. Anônimocomentou

    Babi eu tenho o sonho de viver 1 mês em uma cidade pequena, quero muito ir a. Sicília, O que me diz sobre essa região?

  6. Anônimocomentou

    Olá Babi,

    Gostaria de uma opinião sua mais específica sobre a cidade de LIVORNO, acredita ser uma boa cidade para se viver/trabalhar? Eu e minha esposa estamos procurando cidades médias na Toscana, mas que sejam mais próximas ao litoral. Também estamos pesquisando sobre Massa-Carrara. Se puder dar algumas dicas. Obrigado!

  7. Olá Babi, estou com uma proposta de trabalho para viver em Firenzee gostaria de entender como é feito o cálculo do imposto de renda mensal descontado mensalmente do salário. Anual seria de 60.000 euros.Conseguiria me ajudar a entender como conseguir o blue card?obrigada

  8. A maior parte das escolas (pelo menos no período de 2009 que foi quando eu estudava lá no ensino fundamental) são gratuitas e garantidas pelo Estado, e são as mais qualificadas. Os pais costumam pagar uma escola particular pro filho somente caso ele não consiga seguir ou ter um bom desempenho nas escolas públicas italianas (coisa que funciona, infelizmente, ao contrário aqui no Brasil). São abertas sempre vagas para estrangeiros também. Eu lembro que, quando criança, tinha colega venezuelano, cubano e um do Ghana. Portanto fica aí a resposta da minha experiência 🙂

  9. Renata Sperandiocomentou

    Meu filho precisa casar aqui mo Brasil ou na Itália pra passar o permissões para a namorada? Vc sabe sobre isso? Pq estão indo solteiros daí o que vale é casar aqui ou lá na Itália? Aguardo obg!!!

  10. Fernandacomentou

    Sou brasileira, arquiteta e paisagista, tenho 36 anos, casada, uma filha de 3 anos e tenho cidadania italiana. Não falo italiano, comecei um curso e parei. Preciso continuar. Penso em me mudar para Itália, não sei aonde pois ainda não conheço o país. Será que é uma boa ideia? O que vc me sugere? Acha que consigo emprego como arquiteta ou paisagista por aí?!

  11. Fernanda Martinscomentou

    Estou me planejando para passar 4 anos na Itália com meu marido, porém queremos morar na região norte, mais afastada da cidade.
    Essas suas informações valem para a região norte também, ou só para o centro ?

  12. Camilacomentou

    Boa tarde gostaria de saber quanto em reais eu vou gastar para ir para italia com meu marido. Grata Camila

  13. Francisco de Assiscomentou

    Oi Babi adorei seu blog ta me ajudando muito, gostaria de saber se eu tiver contato com um amigo no qual ele e dono de uma fabrica se ele me contrata eu ainda aqui no Brasil facilita minha legalização? é tenho muita experiencia com vendas de peças automotivas gostaria de saber também como é o mercado , tipo melhor curso pra se fazer antes de ir para Itália para arruma trabalho mais rápido caso o do meu amigo não de certo , é qual é o valor dos salario tipo minimo?
    Desde ja agradeço a toda sua ajuda

    1. Olá, Francisco! Sim, claro, nós como brasileiros temos um visto automático de 3 meses como turista. Depois disto, vc pode tirar seu Permesso di Soggiorno por motivo estudo ou trabalho. Se teu amigo te contratar, vc pode permanecer, viver e trabalhar regularmente com todos os benefícios de um cidadão italiano. Não sei te dizer em detalhes como funciona, mas é legal. Não existe um salário mínimo determinado, mas digamos que gira em torno dos 1.000-1.200 euros por mês. Abraços e boa sorte!

  14. Solangecomentou

    Olá, eu amei seu post! Muito instrutivo! Me ajudo muito. Meu namorado está na Itália, e tô pensando em ir ficar nas férias de janeiro e dezembro e julho com ele. Se vc pudesse me recomendar condomínios baratos e souber de algo me avisa. Aguardado retorno.

  15. Ivan Rossetticomentou

    Agradeço muito as sua dicas ! Eu e minha esposa pretendemos morar na Itália , Firenze, por 10 meses a partir de Março do próximo ano. Somos aposentados e pretendemos alugar um apto tipo flat com tudo incluso. Não fazemos questão de que seja no centro histórico. Você conhece algum site que faça esse tipo de negócio.?

    Agradecemos muito seu auxílio

  16. Antonina berrutticomentou

    Estou indo para Florença dia 8/4/17.onde encontrar local para. Impraticável material para mosaico. Ex- smaltis filates,tudo referente a arte do mosaico como Tb ferramentas.

    1. Oi, Antonina! Talvez numa loja chamada Zest, Via della Matonaia. Se não tiver lá, eles saberão onde te indicar! Abraços!

  17. Cleo Schmithcomentou

    Gostaria de saber valores de aluguel em cidades menores, como Adria e Treviso por exemplo.
    Apartamento tipo Kichtinet para um casal.
    Obrigada.

  18. Luís Gasparinicomentou

    Pretendo ir morar em breve na Itália com minha esposa e meus dois filhos pequenos.
    Como é em linhas gerais, a busca por recolocação profissional, a aceitação pela sociedade italiana…
    Estou providenciando minha cidadania italiana, que deve ficar pronta em 2018.
    Abraço

  19. DIRCE VALERIAcomentou

    Boa noite adorei a sua postagem gostaria de saber atualmente quanto me sairia o aluguel mensal de uma casa com 2 quartos na Calábria e se e fácil de se conseguir alugar visto que sou Brasileira e pretendo morar la desde já fico agradecida

    1. Olá, Dirce! Não sei te dizer valores… mas você pode descobrir facilmente visitando os sites que indico na reportagem e fazer uma pesquisa! 😉 Abraços e obrigada pela visita!

  20. ANTONIO Do Giannicomentou

    Baby Boa tarde. Sou brasileiro com cidadania italiana e estou planejando morar em Rimini, porém preciso primeiro fazer uma experiência de uns 3 meses. Qual é sua sugestão para fins de locação de imóvel e qual tipo de contrato? Minha namorada não tem cidadania italiana e gostaria que ele me acompanha-se. O que devo fazer ? Parabéns pelo seu trabalho.
    Agradeço muito sua ajuda.
    Abs.

    1. Oi, Antônio!!! Como sua ideia inicial é de ficar 3 meses para depois decidir se ficar ou não, eu acho que no seu caso um aluguel de temporada com contrato turístico pode ser a solução mais prática. Depois, caso decida ficar, vc terá tempo para procurar com calma u outro apartamento para fazer um contrato regular! Obrigada pela visita e comentário! Fico feliz em saber que o Viva Toscana está te ajudando! Bjos, tudo de bom pra vcs!