Leonardo da Vinci e Florença – Especial 500 Anos

Em  2019 comemora-se 500 anos da morte de um dos maiores gênios da história… Leonardo da Vinci!!! Em Florença e Itália estão programados diversos eventos especiais em sua homenagem. Neste artigo conto para vocês a relação de Leonardo da Vinci com Florença uma das cidades onde o mestre viveu.

Leonardo da Vinci nasceu em 1452 no interior da Toscana em uma casa ao redor de Vinci. Sua família se mudou para Florença quando ele havia pouco menos de 20 anos, e logo iniciou a frequentar o atelier do seu mestre, Andrea del Verrocchio, um dos principais artistas do período. Leonardo aprendeu a arte do desenho, pintura e escultura ao lado de outros artistas importantes, também pupilos de Verrocchio, como Botticelli, Ghirlandaio e Perugino.

Exposição “Andrea del Verrocchio, Mestre de Leonardo”, Palazzo Strozzi, Florença

Durante a sua vida em Florença, trabalhou principalmente dentro do atelier de Verrocchio, produzindo obras de pintura que infelizmente pouco se sabe. Parte delas encontram-se fora da Itália. Não se sabe exatamente como elas saíram de Florença, quem são seus verdadeiros comitentes e muitas vezes até a sua autoria é questionada, pois o estilo de pintura do início de sua carreira se assemelha muito ao do mestre Verrocchio, assim como dos seus demais pupilos.

Certeza, por outro lado, temos das obras que se encontram na Galleria degli Uffizi! Aqui temos 3 obras de Leonardo: Batizado de Cristo (1475-78), Adoração dos Magos (1481-82) e Anunciação (1472-75).

Adoração dos Magos, Leonardo da Vinci, Galleria degli Uffizi

Leonardo da Vinci deixou Florença em 1482, aos 30 anos, para trabalhar na corte de Ludovico o Mouro. Ele havia sido indicado ao Duque de Milão por Lorenzo o Magnifico dos Médicis, que costumava usar os artistas fiorentinos com “presentes diplomáticos” para difundir a cultura e arte fiorentina na Itália.

Lorenzo il Magnifico e seus Artistas. Afresco do Palazzo Pitti

 

Nos anos seguintes, Leonardo passou por outras cidades e cortes italianas, como  em Mantova dos Este e Veneza, até retornar a Florença em 1501, quando recebeu uma importante encomenta pública: decorar uma das paredes do Salone dei Cinquecento com a Batalha de Anghiari. Infelizmente esta obra também ficou incompleta. Sempre com o seu espírito inventivo e estudioso, Leonardo não se limitou a usar a técnica “banal” do afresco, mas quis provar uma antiga tecnica chamada “a incausto”, onde a fixação da cor era feita com altas temperaturas. A ténica faliu e Leonardo deixou Florença novamente por Milão em 1508.

Battaglia di Anghiari, cópia de Rubens

Durante sua última passagem por Florença, Leonardo iniciou seus estudos sobre o vôo dos pássaros  e realizou experimentos do alto da Colina de Fiesole. Também foi neste período que iniciou a sua obra mais famosa, a Monalisa, levada embora consigo para a França.

Eventos Especiais em Florença: Leonardo da Vinci 500 Anos

09 de Março a 14 de Julho
“Verrocchio, o mestre de Leonardo”
Palazzo Strozzi

13 de Março a 24 de Fevereiro 2020
“Visions. Os grandes desafios de um gênio universal.”
Palazzo Vecchio, Sala dei Gigli

06 de Junho a 22 de Setembro
“Leonardo e seus livros. A biblioteca do Genio Universal”
Museu Galileo

13 de Setembro a 15 de Dezembro
“La botanica di Leonardo. Una nuova scienza tra arte e natura”
Igreja de Santa Maria Novella

Leia mais sobre este ano especial dedicado a Leonardo da Vinci e a agenda de eventos em outras cidades italianas que o mestre viveu e trabalhou:

Blog Milão nas Mãos“2019: o ano de Leonardo da Vinci em Milão”

Blog Itália per Amore“O Homem Vitruviano em Veneza. Leonardo 500 Anos”

Deixe seu comentário