Montalcino, a cidade do Brunello

Montalcino é uma etapa obrigatória no roteiro dos apaixonados por vinho. Desde 2004 Patrimônio da Unesco, localizada sobre uma colina e rodeada por belíssimas paisagens do vale dos rios Ombrone, Asso e Orcia. Esta cidade da Província de Siena renasceu à partir da metade do século 19, quando Ferruccio Biondi Santi revolucionou a produção vinícola local elevando o Brunello di Montalcino ao patamar de qualidade dos vinhos franceses.

 

Piazza dl Popolo e Palazzo del Priore
Piazza del Popolo

 

Breve História de Montalcino

Provavelmente esta colina a cerca de 560 metros de altitude já fora abitada em época romana e etrusca, mas o primeiro documento que cita o “Mons Ilcinus” (“monte dei lecci” = “o monte de azinheiras”) é de 814 d.C., quando o Imperador Ludovico o Pio cedeu as terras ao abate de Sant’Antimo. No entanto, o primeiro núcleo de habitantes surgiu durante o século 10, quando a Via Francigena era uma importante rota comercial que enriquecia as cidades que se encontravam no seu trajeto, como Montalcino, Siena, San Gimignano, entre tantas outras. A base do comércio de então não era somente o vinho, mas também o couro.

Loggia da Piazza del Popolo
Loggia da Piazza del Popolo

Montalcino era uma cidade livre e vivia em paz até cair sob o domínio de Siena em 1201. Foram os seneses que construíram um dos seus monumentos mais famosos, a Fortaleza medieval de 1361, hoje completamente restaurada e acessível para visita.

montalcino-22

O que visitar

La Rocca – fortaleza de defesa construída pelos seneses em 1361 aproveitando em parte a muralha (séc. 14) que circunda a cidade. Aqui fica uma das tantas enotecas da cidade onde degustar o Brunello di Montalcino. É possível subir no topo da muralha para ter uma vista panorâmica da região. Na grande corte interna, durante as noites de verão, acontecem diversos eventos de teatro e música.

la-rocca-di-montalcino
La Rocca di Montalcino

Catedral do Santissimo Salvatore – o Duomo de Montalcino foi construído em estilo neoclássico (1818-1832) por Agostino Fantastici, sobre uma antiga pieve românica do século 11. Entrada gratuita.

duomo-di-montalcino
Duomo di Montalcino

Igreja da Madonna del Socorsso – Uma igreja que reúne séculos e estilos diferentes! A construção original é de época medieval (1330), ampliada durante o Renascimento (1478-1480), decorada com altares barrocos (séc. 17) e completada com fachada de estilo neoclássico (1794).

Chiesa del
Chiesa della Madonna del Soccorso, Montalcino

Piazza del Poppolo e Palazzo dei Priori – Este é o centro político da cidade, com o Palazzo dei Priori e sua torre ao centro. Construído em época medieval (séc. 13-14) decorado externamente com diversos brasões dos Podestà que governaram a cidade.

 

palazzo-del-priore
Palazzo del Priore

Badia di Sant’Antimo – Segundo a tradição, esta igreja foi construída e fundada em 781 por Carlos Magno, imperador Carolíngio. É uma construção em estilo românico com influência cisterciense. Entrada gratuita, verificar horário de abertura para visita [aqui]. A Abadia di Sant’Antimo fica fora dos muros de Montalcino, é necessário carro para chegar até ela em poucos minutos.

badia-di-sant'antimo
Badia di Sant”Antimo, Montalcino

Além de visitar todos estes pontos de interesse e degustar o Brunello em uma cantina, o gostoso de Montalcino é caminhar pelas suas ruas estreitas de pedra, com janelas e portas decoradas com vasos de flores, descobrir jardins secretos e se surpreender com a linda paisagem que se abre para o horizonte entre uma casa e outra!

montalcino-24

Brunello di Montacino

O Brunello di Montalcino é um vinho tinto ideal para longo envelhecimento, feito com 100% de uva Sangiovese Grosso, uva típica da região, uma variante da Sangiovese do Chianti Clássico, produzido em uma área limitada de cerca 2.100 hectares ao redor de Montalcino. Ele deve ser colocado à venda somente 5 anos após a colheita, dos quais deve passar ao menos 2 anos em barril de carvalho e 6 meses em garrafa. Foi o primeiro vinho italiano a receber o selo DOCG (Denominação de Origem Controlada e Garantida), em 1980.

Cantina em Montalcino
Cantina em Montalcino

Além do Brunello, na região também são produzidos os vinhos DOC: Rosso di Montalcino, Moscatello di Montalcino e Sant’Antimo.

Leia também: “Visita e degustação na Biondi Santi em Montalcino”

Quando ir

O período ideal para visitar Montalcino é entre a Páscoa e o mês de Outubro. Minha época preferida é o outono e primavera, quando as temperaturas estão mais favoráveis para tomar um vinho tinto encorpado como o Brunello. Durante os meses de inverno o movimento de turistas diminui muito e por isto algumas lojas preferem fechar. A paisagem também é bem diferente, pois os vinhedos estão completamente sem folhas.

montalcino
paisagem de Montalcino durante o verão.

Como Chegar

A melhor maneira de chegar à Montalcino é com um carro próprio. Você encontra estacionamento à pagamento ao longo da Via Pietro Strozzi e Via Roma. Para mais informações, leia o artigo “Dicas e Dúvidas Sobre Dirigir na Itália”.

Saindo de Siena são 45 Km percorridos  em cerca de 50 minutos pela Via Cassia/SR2.

De Florença são 110 Km percorridos em cerca de 2 horas pela Superstrada Firenze-Siena (saída Siena Sud) e depois Via Cassia/SR2.

mapa-de-montalcino
Mapa de Montalcino

Principais Eventos

Jazz & Wine – Julho – concerto de jazz e degustação de vinho da corte da Rocca de Montalcino.

Apertura delle Cacce – segundo domingo de Agosto – Festa folclórica onde os quatro bairros da cidade se enfrentam em uma competição de tiro ao alvo.

Settimana del Miele – Setembro – Encontro nacional da produção apicultura italiana. São três dias de mostra, mercado e palestras dentro da fortaleza medieval sobre o mel e seus produtos alimentares e de cosmética.

Sagra del Tordo – último domingo de Outubro – Festa folclórica onde os quatro bairros da cidade se enfrentam em uma competição de tiro ao alvo.

Deixe seu comentário

8 comentários

  1. Maria Angélica Marsulo Viacomentou

    Parabéns ótimo reportagem!!!

  2. Rosana Valentimcomentou

    Ciao Babi! Adoro seu blog por 2 motivos: Amo a Itália e você é muito atenciosa em responder aos seus leitores!! Uma dúvida lendo seu post: é possível chegar a Montalcino de ônibus e/ou trem?
    Grazie.

    1. Oi, Rosana! Que legal que curte o Viva Toscana! Fico feliz em saber! Respondendo à sua pergunta, não tem estação de trem em Montalcino, mas dá para chegar de ônibus. Não é um transporte muito prático, pois não tem uma boa frequência que te permita por exemplo visitar a cidade em um bate-e-volta. Tem uma linha direta de Siena. De Florença é necessário ir até Siena com um bus e depois trocar de linha, o que torna a viagem bem longa! Bjos e obrigada pela visita! <3

  3. Roberto Coccocomentou

    Oi Babi, ótima descrição, aprendi sobre alguns monumentos que nunca visitei. Farei isso na próxima ida.
    Um ótimo programa em Montalcino, além de tudo que você descreveu muito bem, são as visitações nas cantinas, sempre finalizadas com degustação. Já estive na Biondi Santi e no Castelo de Banfi, valeu muito a pena, inclusive são ótimos lugares para adquirir produtos com bom preço e ajuda na escolha.
    A culinária em Montalcino também é excelente, tive uma ótima experiência num pequeno restaurante chamado Il Grapolo Blu. Fica meio escondido numa ladeira que é travessa da rua mais comercial da cidade.
    Obrigado pela sua ótima reportagem. Abraços.

    1. Oi, Roberto! Sim, sem dúvida alguma a visita às vinícolas é algo imperdível! Conheço a Biondi Santi e o Castello di Banfi, são lindas! Mas neste artigo preferi dar mais atenção à cidade em si e depois, mais pra frente, farei um artigo somente sobre as vinícolas ao redor. Bem lembrado sobre o Grappolo Blu! Também já estive lá! 😀 Abraços e obrigada pela visita e comentário!

  4. Maria Amelia Kotezcomentou

    adoro a Italia. o que voce acha de 10 dias na Toscana?

    1. Oi, Maria! Acho 10 dias na Toscana muito bom! Claro que nunca serão suficientes e você vai ir embora daqui com gostinho de quero mais, mas em 10 dias vc consegue visitar bastante coisa e com mais calma! 🙂

  5. Monicacomentou

    Boa noite!

    Saberia me informar quem fundou Montalcino?
    Obrigada 😉