Itália de Carro ou de Trem?

Este post irá ajudar você que está planejando a sua viagem para a Itália e Toscana e não sabe qual é o melhor meio de trasporte para usar: trem, carro, ônibus ou avião? Para responder à esta pergunta, vamos considerar um roteiro básico pela Itália: Milão, Veneza, Florença, Roma e Nápoles.

De Avião

Esta é a primeira fase da viagem, a chegada à maravilhosa Itália! Os vôos diretos são realizados pela Alitalia e Tam, com saída de São Paulo ou Rio de Janeiro e chegada em Roma ou Milão. Caso queira chegar à Itália por outra cidade (como Florença), os vôos terão escala, e além das companhias citadas anteriormente, também tem a TAP, AirFrance e Lufthansa.

De Trem

Na Itália, assim como na grande parte dos países europeus, o sistema ferroviário de transporte de pessoas é muito bom e eficiente! Uma vez que você já se encontra na Itália, a melhor maneira de se locomover entre as cidades grandes, é o trem. Em outras palavras, este é o melhor meio de locomoção para médias distâncias. Os trens são de alta velocidade e muito confortáveis, mesmo na segunda classe. Aconselho a leitura no artigo “Dicas Práticas para Viajar de Trem“.

Galleria Vittorio Emanuele, Milão

Segue algumas distâncias entre principais cidades e um comparativo de tempo de viagem carro X trem:
– Milão/Veneza: 278Km – trem 2h10 – carro (A4, pedágio) 2h45
– Milão/Florença: 307Km – trem 1h30 – carro (A1, pedágio) 3h30
– Florença/Veneza: 260Km – trem 2h05 – carro (A1, pedágio, E35) 2h50
– Florença/Roma: 273Km – trem 1h30 – carro (A1, pedágio) 3h00
– Roma/Nápoles: 226Km – trem 1h10 – carro (A1, pedágio, E45) 2h20

De modo geral, dentro de cada Região Italiana o trasporte ferroviário é bem interligado e por isso também prático para ser usado para pequenas distâncias, como por exemplo a Região do Veneto e as cidades de Veneza, Verona, Vicenza, Padova e Treviso. Dentro da Toscana e também da região da Úmbria o trem não é muito indicado. Falo mais especificadamente sobre a Toscana…

De Carro

Dentro da Toscana, as cidades bem interligadas com o sistema ferroviário são: Florença, Pisa, Lucca e Arezzo. Com bem interligadas eu quero dizer que a estação do trem fica próxima do centro e prática para quem está à turismo. Siena, por exemplo, tem uma estação de trem, mas fica longe do centro.

Chianti

Segue algumas distâncias entre as principais cidades da Toscana e um comparativo de tempo de viagem carro X trem:
– Florença/Pisa: 85 Km – carro 1h10 (estrada FI-PI-LI) – trem de 50 min à 1h20 (8-9 euros)
– Florença/Lucca: 78Km – carro 1h (autostrada A11, com pedágio) – trem de 1h20 à 1h50 (7 euros)
– Florença/Arezzo: – 77Km – carro 1h (autostrada A1, com pedágio) trem de 40min à 1h30 (8-11 euros)
– Florença/Siena: 70 Km – carro 1h10 (estrada FI-SI) – trem de 1h30 à 2h20 (9 euros)
– Pisa/Lucca: 17Km – carro 25min – trem de 25 à 50 min (3-11 euros) 

Para visitar as demais cidades da Toscana, como as cidades do Chianti, San Gimignano, Volterra, Pienza, Montalcino, Montepulciano, Monterriggioni, Bolgheri, enfim, todas estas cidadezinhas românticas e encantadoras, o melhor meio de locomoção é o carro. Ter a liberdade de chegar e sair no horário que quiser te permite conhecer mais de uma cidade em um dia, sem dizer a liberdade de fazer aquela parada no meio do caminho para uma foto dos vinhedos do Chianti, ou do rolo de feno. Aconselho a leitura do artigo “Dicas e Dúvidas sobre Dirigir na Itália“.

De Ônibus

Falo mais uma vez especificamente sobre a Toscana. A companhia de trasporte rodoviário é a SITA, e o terminal de Florença fica ao lado da estação de trem. Tem ligação com todas as cidades da região com interesse turístico. É a melhor opção para quem viaja com orçamento apertado e por isto não quer alugar carro. Por outro lado, as opções de horários não são muitas, logo não é uma opção muito prática.

Deixe seu comentário

2 comentários

  1. Nelmacomentou

    Muito bom. Vou ficar 6 dias em Florença , 2 em Siena e 5 em Bologna. Pretendo usar onibus. Não estou encontrando bate e volta de Bologna /Veneza ou Florença/ CinqueTerre. Alguma sugestão? Bjim e obrigada, estou devorando tudo aqui!