Amblé – Comida fresca, Mobiliário antigo

Recentemente ouvi falar de Amblé, uma lanchonete/loja de mobiliário vintage localizada em pleno centro histórico de Firenze mas fora do caos de turistas. Não aguentei de curiosidade – novidades incomuns como esta em Firenze são raras – e no meu primeiro fim de semana livre fui conferir a fama atingida em poucos meses após a inauguração.
amble_03

A especialidade da casa é o tramezzino, um sanduíche natural feito com pão de forma e ingredientes biológicos provenientes de pequenos produtores toscanos escolhidos pelos proprietários. Outras opções de pratos são as saladas e sopas durante o inverno. Para beber, sucos naturais feitos na hora somente com frutas da estação.

amble_02
A lousa apresenta algumas sugestões de “tramezzini do dia”
amble_07
Entrando no Amblé você é imediatamente recebido por um dos funcionários que irá lhe explicar como funciona o local. Não há um menu convencional. Alessandro, um italiano que fala muito bem português devido sua passagem por São Paulo, me explicou que cada dia os chefs e proprietários, Lorenzo e Fabrizio, montam uma nova proposta de tramezzini, combinando ingredientes da estação que são apresentadas na lousa. Como opção, você pode montar seu próprio sanduíche escolhendo o tipo de pão (ao leite ou integral), a maionese (normal, light ou de soja), uma carne e dois acompanhamentos pelo modesto preço de €4,50.
amble_06
amble_tramezzino
O ambiente se divide em duas salas internas e um espaço externo com mesas e cadeiras de ferro, poltronas de couro, banquinhos de madeira e os mais variados objetos de decoração vintage. Aqui nenhum móvel é igual ao outro e tudo está à venda, até mesmo a taça de cristal onde você bebe o seu vinho! Assim sendo, a decoração está em constante mudança com a ida e vinda de novos objetos.

amble_04

amble_10
A frequência é dividida entre italianos e estrangeiros. Devo dizer que as pessoas que encontrei ali tem um estilo bem alternativo que pareciam até mesmo fazer parte da decoração, o que torna o local ainda mais interessante! Um clima descontraído e informal!
Minha peça preferida: este banco readaptado de um "cavalo com alças" utilizado na ginástica olímpica masculina. Quero!
Minha peça preferida: este banco readaptado de um “cavalo com alças” utilizado na ginástica olímpica masculina. Quero!
Segunda peça preferida: esta luminária feita com garrafão de vinho.
Segunda peça preferida: esta luminária feita com garrafão de vinho.
Como o almoço estava muito movimentado, voltei no fim da tarde para fazer as fotos e provar o chá feito com frutas e ervas e, claro, os doces – tudo de produção própria -, e a aproveitei para conversar mais tranquilamente com minha xará Barbara, a responsável pela escolha dos mobiliários, também sócia do Amblé.
Chá de maçã, gengibre, uva passa e amêndoa acompanhado de brownie.
Chá de maçã, gengibre, uva passa e amêndoa acompanhado de brownie.
amble_11
Bárbara me contou que a proposta do Amblé vai muito além de um estilo ou um gosto estético pelo passado. Falamos sobre sustentabilidade e as causas negativas de um consumismo exagerado para as gerações futuras. “Porque comprar objetos novos se podemos reutilizar aqueles esquecidos dentro de um armário?” De fato, entre selecionadas peças de design do século passado, encontramos objetos comuns “da casa da vovó” até mesmo com pequenos defeitos sendo utilizadas no serviço.
amble_08
O nome e o logo escolhidos para o local reforçam seu conceito primário. “Você é o que você come” – o flamingo é rosa porque se alimenta de camarão. Amblé também é uma derivação do termo de equitação emblée que é o momento em que o cavalo diminui a velocidade do passo. Não é necessária muita explicação para compreender a mensagem de que precisamos nos dedicar mais tempo a si mesmos e ganhar qualidade de vida!

Amblé
Piazzetta dei Del Bene, 7/a
Tel. +39 055 268528

info@amble.it
www.amble.it

Deixe seu comentário

10 comentários

  1. Anônimocomentou

    Hey Babi! Very nice! Tks!

  2. Adoro ler os seus post porque conheço lugares especiais de Florença e é isso que eu gosto.
    Repasso aos amigos e agradeço pelo seu empenho em nos mostrar cada vez mais este pedaço da Itália que tanto amo.

  3. Olá, Sandra! Que bom que gosta das minhas dicas! 😉 Essa é imperdível!!! Obrigada pelo recadinho e pela visita! Abçs!

  4. Anônimocomentou

    Parabéns pela reportagem .Visitarei esta loja assim estiver em Florença!

  5. Babi, lindas essas fotos… atmosfera muito cool e interessante! Sicuramente ci andrò!!! Bacione, D

  6. Obrigada, Denya! Vamos um dia juntas lá tomar o chá que eles preparam que é maravilhoso!!! Baci!

  7. Anônimocomentou

    Bárbara agradeço o empenho que vc dedica a seus post. São todos muito interessantes e divertidos. Sim, precisamos de um pouco de divertimento neste mundo. Obrigada por me manter plugado neste país maravilhoso. Um abraço

  8. Olá, Anônimo! Que bom que curte os posts! São feitos com carinho e dedicação! Que bom que dá pra perceber! 🙂 Abraços e obrigada pela visita!