10 Motivos para Visitar o Novo Museu do Duomo de Firenze

Foi reaberto em Outubro de 2015, após mais de 2 anos fechado para uma grande reforma de ampliamento, o Novo Museu do Duomo  de Florença. Aqui você encontrará mais de 750 obras de mais de 700 anos de história da construção de um dos símbolos de FlorençaTenho certeza que você irá se surpreender com este museu, que contém importantes obras dos mestres Michelangelo, Donatello, Ghiberti, entre tantos outros!

museu-duomo_fachada-arnolfiana

Veja neste artigo o que você não pode deixar de ver na sua visita:

1. Portas Originais do Batistério

As três portas que se encontram hoje no batistério não são mais as originais. Por motivo de conservação elas estão sendo substituídas por cópias, enquanto que as originais estão sendo restauradas para serem expostas no museu. Hoje encontram-se expostas somente as portas Leste, chamada “Porta do Paraíso”, e Norte, ambas de Lorenzo Ghiberti.

museu-duomo_portas-bronzeas

2. Fachada Arnolfiana escala 1:1

A fachada que vemos hoje no Duomo de Florença na verdade não é a original. A atual foi feita entre 1871-1887 por Emílio de Fabris. Quando o Duomo começou a ser construído, no fim de 1200, ele tinha outra fachada, projetada pelo arquiteto Arnolfo di Cambio em estilo gótico. Foi o grão-duque Francesco I que decidiu desmontar ela em 1587 por estar “fora de moda”.

museu-duomo_sao-joao-donatello
Detalhe da Fachada: São João Evangelista de Donatello e São Marcos de Nicolò di Pietro Lamberti
No novo museu do Duomo, recriaram a fachada arnolfiana original em escala real utilizando as estátuas originais e os poucos fragmentos que restaram dela. Não deixe de observar a “Madonna degli Occhi di Vetro” de Arnolfo di Cambio e o San Giovanni Evangelista de Donatello.

3.  Pietà de Michelangelo

Michelangelo (1475-1564) realiza 4 Pietà ao longo de sua vida. A primeira (e mais famosa) delas se encontra no Vaticano, realizada quando ainda era muito jovem, apenas 23 anos. As demais ele realiza na sua fase madura, anos antes de falecer. A pietà que se encontra neste museu é conhecida por Pietà Bandini, nome do banqueiro romano que a comprou. Era uma obra destinada ao túmulo do próprio Michelangelo, mas que por defeito do mármore acabou dando muitos problemas e deixada incompleta pelo mestre. Michelangelo fez um auto-retrato na figura de Nicodemo.
museu-duomo_michelangelo

4. Maria Madalena Penitente de Donatello

Acho esta obra incrível, a minha preferida de Donatello (1386-1466), o primeiro escultor renascentista. Donatello sabia trabalhar com todo tipo de material, e, embora pouco valorizada, a madeira era perfeita para este tema, pois consegue ressaltar o sofrimento e a pena de Maria Madalena ao peregrinar pelo deserto.
museu-duomo_maria-madalena-donatello

5. Decoração Original da Torre de Gioto

Todas as formas e estátuas que decoram a Torre de Giotto foram substituídas por cópias e no Museu elas foram posicionadas em modo que nós possamos observar de perto todos os seus detalhes! Trata-se de uma série iconográfica complexa de formas hexagonais, losangos e estátuas que retratam o percurso do homem à partir do pecado à salvação através do trabalho. Impressionante as duas estátuas de Donatello, Zuccone e Geremia, pelos traços realistas e quase grotescos.

museu-duomo_estatuas-campanile
museu-duomo_donatello
Estátuas de Donatello: Geremia, Abacuc “Zuccone”, Profeta Pensador, Profeta imberbe

6. Cúpula de Brunelleschi

Uma sala inteira é dedicada à obra-prima de Brunelleschi: uma maquete da cúpula, os maquinários para a sua construção, os diversos projetos para a conclusão da sua base que nunca foi realizada completamente.

museu-duomo_brunelleschi

7. Máscara Mortuária de Brunelleschi

Nome macabro, mas era uma prática comum na época! Nos primeiros minutos após a morte de um indivíduo famoso era feito o calco em gesso ou cera do rosto do defunto. Serviam para fazer futuros retratos ou pinturas. A máscara do Brunelleschi se encontra próximo à maquete da sua principal obra, a cúpula do Duomo!
museu-duomo_mascara-mortuaria-brunellescchi

8. Cantorias de Luca della Robbia e Donatello

São duas estruturas em mármore que até 1688 estavam posicionadas no altar do Duomo, como 2 balcões, com a função de abrigar o coro. Foram feitas por artistas diferentes, mas com o mesmo tema no Salmo 150 que diz para louvar Deus com a música. Interessante observar como os dois artistas trabalharam o mesmo tema em modos diferentes.
museu-duomo_cantorias-della-robbia-e-donatello

 9. Altar de San Giovanni Battista

Uma obra impressionante, por tamanho, riqueza e beleza. Vários artistas ao longo de 2 séculos participaram da realização deste altar monumental realizado com 400 Kg de prata. Ele era destinado ao batistério e retrata cenas da vida de São João Batista.
museu-duomo_altar-de-sao-joao-batista

10. Maquetes para o concurso da Fachada

Quando o Grão-Duque Francesco I decidiu desmontar a fachada de Arnolfo em 1587, tinha por objetivo lançar um concurso para a nova fachada do Duomo. Vários arquitetos participaram, entre eles, Bernardo Buontalenti e Giambologna. Produziram desenhos e maquetes em madeira que se encontram expostas no segundo e último andar do museu.

museu-duomo_fachadas

Curiosidade

Michelangelo Buonarroti esculpiu a sua obra prima, o David, dentro dos muros deste edifício!
O atelier de Lorenzo Ghiberti era vizinho ao museu. Ali ele fundiu a sua famosa “Porta do Paraíso” do Batistério de San Giovanni.

Informações Gerais

Abertura: todos os dias, das 9:00 às 19:00
Fechado: primeira terça do mês, 1 de janeiro, Páscoa,  25 de dezembro
Ticket: 15 euros – ingresso cumulativo com entrada no batistério, subida cúpula de Brunelleschi e Torre de Giotto, valido por 48 horas à partir do primeiro utilizo.

Visita Guiada

Para uma visita completa ao Museu do Duomo de Florença, com mais informações sobre as obras do acervo, contate o Viva Toscana! Nossa sugestão é de uma visita de 1h30, com uma guia turística oficial de Florença, brasileira. Preços à partir de 20 euros/pessoa.

Deixe seu comentário

4 comentários

  1. José Henriquecomentou

    Chego em Florença hoje vindo de Arezzo. E tal qual fiz com esta, utilizarei suas dicas na visita aquela. Obrigado

    1. Oi, Leidiane! A bilheteria do Duomo fica de frente para a Porta Norte do Batistério de Florença. Não costuma ter filas absurdamente longas. Eu só compraria antecipado no caso de sua viagem ser nos meses d alta temporada (maio, junho, julho e setembro).