20 Impressões de uma Brasileira sobre a Itália

Li recentemente um artigo escrito por um francês que conta de uma forma divertida e bem humorada 65 características dos brasileiros que para ele são estranhas. Olivier Teboul, de 29 anos mora em Belo Horizonte há pouco mais de um ano. Eu dei boas gargalhadas ao ver a visão de um estrangeiro sobre nossos costumes e modo de falar e recomendo a leitura (para os bem humorados). O link se encontra no fim deste artigo. Me inspirei no Olivier para criar minha lista sobre os costumes, atitudes e trejeitos dos nossos fratelli italiani que pra mim parecem realmente estranhos! Nada sério e tudo exagerado! hehe!  Non prendetevela con me! 😉



1- Na Itália, quando se vai em uma padaria, a mão nua que te serve o pão é a mesma que te dá o troco. Mas ai de você se não usar luvas para escolher as frutas e legumes no supermercado. A velhinha do seu lado vai reclamar.

2- A propósito de supermercado. Na Itália todos os supermercados, inclusive os que recebem o prefixo “Hiper”, possuem corredores estreitos, não há espaço pra fazer a fila no caixa e, como se não bastasse, ninguém sabe guiar ou estacionar um carrinho. É quase um espelho do que acontece na rua: ficam todos atravessados no meio do caminho.
3- Na Itália existe uma fixação pelos crimes passionais. Tem programas de TV e revistas sobre o assunto que são seguidos como telenovela…
4- Na Itália nada nunca está bom e tudo é motivo para reclamar: Se faz calor, é porque faz calor, se faz frio, é porque faz frio, se chove, é porque chove, se não chove é porque não chove, se tem Berlusconi, é porque tem Berlusconi, se não tem Berlusconi…bem melhor não entrar no assunto política com eles…
5- Na Itália o otimismo manda lembranças. As respostas à banal pergunta “E aí, tudo bem?” parecem ser um sinal para o suicídio: “Ma, insoma”, “Non c’è male”, “Poteva andar meglio”, “Come vogliono…”, Per ora…” e outras variantes ainda piores… Nunca um italiano te responderá “Tutto bene!”
6- Na Itália, em academias de ginástica, o homem se veste como mulher – calça e camiseta apertada – e mulher se veste como homem – calça e camiseta larga.
7- Na Itália as propagandas na TV duram minutos e contam uma historinha de como o produto faz feliz uma típica família italiana. É de chorar…
8- Na Itália, os canais de TV passam 2 filmes em seguida um do outro e eles adoram colocar filmes de uma série…Nada como 4 horas de Piratas do Caribe ou Harry Potter…em italiano.
9- Na Itália o mês de Agosto é mês de férias obrigatoriamente.  Dá um “siricutico” nas pessoas. Tem que viajar pra praia. É uma evasão das cidades grandes. Tudo fecha: lojas, sorveterias, restaurantes, posto de gasolina, banca de jornal… Todos na praia tostando ao sol! Quem fica parece viver em uma cidade fantasma. Será que eles nunca ouviram falar de rodízio de pessoal?!?
10- Já que entramos no assunto horário de funcionamento: As lojas fecham para almoço. Não, eles nunca ouviram falar em rodízio de pessoal, mesmo… Agora o que eu faço nas minhas 2 horas e meia de pausa almoço do trabalho?!? Eu quero gastar o meu rico dinheirinho, mas as lojas estão….fechadas! 🙁
11- Na Itália os supermercados fecham cedo e nos domingos abrem só uma vez por mês. Se o papel higiênico acabar no sábado à noite….ferrou! Ah, sim, alguns também fecham para almoço…Dá pra imaginar o drama?!?
12- Na Itália, falar palavrão é quase uma arte. Fazem parte do vocabulário quotidiano, podem ser inseridos antes que qualquer palavra como um adjetivo, fazer parte de expressões e podem até mesmo ser conjugados como um verbo: Ma che cazzo dice?! Oggi ho cazzeggiato tutto il giorno! Che cazzo! Faccio cazzo mi pare!
13- Na Itália são todos muito discretos quando conhecem alguém novo. Não cumprimentam com beijo ou abraço, mas um aperto de mão. Não perguntam nada pessoal, tipo se você tem irmãos, um animal de estimação ou qual a sua profissão. Mas perguntam quanto você ganha e quanto paga de aluguel. Adoram falar de aluguel….vai entender…
14 – A Itália é um pais cristão. Abriga a Cidade do Vaticano e o Papa. Muitos ainda vão à igreja todo domingo. Mas não é pecado se embebedar nas escadarias das igrejas… Na Itália é comum ver grupos de jovens reunidos nas escadarias das igrejas para beber.
15- Na Itália a bebida que acompanha a refeição é oficialmente o vinho e/ou a água. Nada de refrigerantes ou sucos. Criança bebe água ou água com vinho e adulto, vinho. Nas tradicionalistas trattorias italianas não tem outra opção! Podem beber vinho até mesmo em um almoço de terça-feira antes de voltar pro trabalho. É comum. E eu adoro isso! hehe!
16- Na Itália cada um pede o café de um jeito diferente. Tem quem prefere tomar em copinho de vidro, quem em xícara grande, quem quer alto, quem quer baixo, quem quer com leite, enfim, posso descrever infinitamente os tipos de café! Mas nunca um grupo vai chegar à cafeteria e pedir 5 cafezinhos, simples assim.
17- Na Itália todos os cinemas passam somente filme dublado. Nada de legenda.
18- Na Itália 99,9% das pessoas fumam. Tem cigarro de todas as marcas e tipos que preenchem uma parede enorme atrás do caixa das tabacarias. Grande parte deles prefere fazer o seu próprio cigarro: compram o fumo, o filtro,  o papel e enrolam na hora de fumar. Dizem que faz parte do ritual. A primeira vez que vi isso, fiquei aterrorizada achando que meu coordenador estava preparando una cana pra fumar dentro do escritório… hehe…
19- Na Itália as mulheres não se arrumam tanto como pensamos que fazem. Na verdade existem os extremos: extremamente produzida ou completamente ao natural! Algumas saem de casa meio descabeladas…rsrs E os homens não são tão conquistadores quanto esperamos (nós mulheres ;)… quase inofensivos… pena… 😛
20- Na Itália, um país cristão (mais uma vez), existem varias formas de blasfemar (perdoe-me meu Deus): Porco Dio! Porca Madonna! Dio canne! Madonna maiala! Porca Madonna incoronata! Dio stronzo! e outras inúmeras variações de Norte a Sul, é uma coisa louca!
Clique aqui  para ler “Impressões de um Francês no Brasil” 😉

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

89 comentários

  1. Certamente conteúdo de tamanha qualidade merece meu comentário de agradecimento. Parabéns e obrigado. Abraços, Luiz Carlos Casante

  2. Oi estou fazendo pesquisas para mora na Itália e gostei do artigo uma vez q só leio sobre a culinária a beleza do país. É interessante saber saber um pouco mais dos costumes diários da população. Assim como o Brasil temos costumes q aos olhos dos outros pode ser estranhos. O seu artigo só fez ter mais interesse em morar nesse país, uma vez q imagino somos muitos comum e q só temos hábitos diferentes. Obrigada!

  3. AvatarRosimerecomentou

    Oi Babi! Moro hà 9 anos e concordo em tudo, sò realço uma variaçao sobre aluguel, salàrio. Pelo menos na minha cidade, inclusive convivendo com outros estrangeiros, se fala/pergunta do TAMANHO DA CASA (equivalente ao preço da compra ou aluguel!). Adorei como escreveu, me fez rir!!!! Parabèns!

  4. A 8 anos viajo a Italia, e concordo plenamente.

  5. Adorei seu texto, muito bom! Uma crônica do cotidiano.
    Amei o texto do francês.
    Bom humor, sempre!

  6. Adorei seu texto, bom humor na medida!
    Amei o texto do francês.
    Me diverti bastante com os dois!

  7. AvatarAnônimocomentou

    Achei o texto interessante. É lamentável que essa anônima acima tenha sido tão agressiva sem necessidade, chega a ser cômico kkkk. Quem precisa crescer e aparecer é essa doida!! kkkk
    Quanto ao texto que aquele francês escreveu sobre o Brasil, eu o achei ridículo, foi desrespeitoso e exagerado e o que é mais triste são os brasileiros batendo palmas pra qualquer porcaria que estrangeiros dizem. Acho que deveríamos parar com essa síndrome de vira-lata e ter mais respeito pela nossa nação, porque, querendo ou não, somos e seremos brasileiros pra sempre, seja no Brasil, na Itália ou na China. +

  8. AvatarAnônimocomentou

    Concordo com vc…ma anche com Babi! Moro na Itália (no norte) faz 1 ano e meio e vejo que não se pode dizer que tudo e todos sejam assim como ela descreve. Mas já vi listas com mais generalizações que essas, rsrs. E vc tá certo, cada um sente e vê do seu jeito. Acho que aqui foi isso que aconteceu, ela vê do jeito dela, vc do seu. E eu concordo com um pouco de cada. Isso não é ruim, é sinal de que não somos idênticos quanto às nossas percepções do mundo, o que aliás seria péssimo! Abraços gerais!