Firenze Card – Vale a Pena?

A cidade de Florença oferece aos seus turistas o Firenze Card, um voucher com validade de 72 horas que dá direito à ingresso em vários museus e igrejas sem fila e uso do transporte público ilimitado. Parece a solução ideal para quem visita a cidade e não quer perder tempo, mas o valor é meio salgado: 72 eurosSerá que vale a pena, mesmo? Vamos fazer algumas contas:

A variedade de museus e igrejas que aderem à iniciativa é realmente muito grande (para ver a lista completa, clique aqui) e inclui os mais concorridos, como a Galleria degli Uffizi e a Galleria dell’Accademia, onde a reserva para evitar fila é obrigatória quase em todos os períodos do ano. Visitar estes dois museus pagando full price mais a taxa de reserva seriam:
– Uffizi: €16,50* + €4 (reserva sem fila) = €20,50
– Accademia: €16,50* + €4 (reserva sem fila) = €20,50
* o ingresso normal custa €8, mas quando estes museus hospedam mostras temporárias (quase sempre) o ingresso sobe para €16,50, por isto irei considerar o valor mais alto.
Total 1 = €41 (Uffizi + Accademia)

Galleria degli Uffizi + Galleria dell’Accademia

Para quem visita Firenze pela primeira vez, estes dois museus acima são imperdíveis. Se você pensa em visitar somente eles dois, o Firenze Card não valeria à pena, mas se sua sede de cultura é grande e quiser visitar outras atrações, a segunda lista de atrações imperdíveis são:

– Palazzo Pitti (Galleria Palatina + Giardino di Boboli): €11,50 + €3 = €14,50
– Palazzo Vecchio: 10€
Para o  Pitti seria necessário reservar somente em alta estação (maio-julho), mas vamos fazer as contas considerando a vantagem de saltar a fila de compras dos tickets. Para o Palazzo Vecchio não é possível reservar.
Total 2= €65,50 (Uffizi + Accademia + Pitti + Palazzo Vecchio)

Uffizi + Accademia + Palazzo Vecchio + Pitti

Até agora a compra do Firenze Card ainda não valeu a pena. O uso do transporte público ilimitado em Firenze não é uma grande vantagem caso você esteja hospedado dentro do centro histórico, pois as distâncias são muito curtas entre uma atração e outra e muitas vezes o transporte público nem passa tão perto. Caso o seu hotel seja mais afastado, considere que o bilhete de ônibus custa €1,20 a corrida, logo seriam €2,40 x 3 dias = €7,20

Total 3 = €72,70 (Uffizi + Accademia + Pitti + Palazzo Vecchio + ônibus) – Finalmente chegamos ao valor do Firenze Card!
Conclusão
Para valer realmente à pena a compra do Firenze Card, você teria que visitar os 4 museus citados acima, mais outras atrações, como por exemplo a Igreja de Santa Croce (6€), a Igreja de Santa Maria Novella (5€), Museo del Bargello (4€) ou o Complexo do Duomo (10€). Aliás, me explico melhor, pois sim, visitar o Duomo tem que estar na sua toplist do roteiro em Firenze, mas o ingresso na Catedral em si é gratuito, enquanto que é necessário pagar para subir na Torre de Giotto, na Cúpula de Brunelleschi e entrar no Batistério de San Giovanni. Como o acesso à torre e cúpula não é aconselhável para todos (quem sofre de claustrofobia ou tem dificuldade em subir escadas), não inseri no cálculo base acima.
Onde Comprar
Caso o Firenze Card valha a pena para você, é possível comprá-lo on-line [clique aqui] com Visa ou MasterCard. Do momento da compra a validade é de um ano, e do momento da retirada a validade é de 30 dias. A validade de 72 horas começa a ser contada no momento do primeiro utilizo. Se preferir, pode comprar diretamente em Firenze nos 10 pontos de venda. [veja aqui]
Outras cidades da Itália também possuem voucher similares ao Firenze Card. As meninas do blog Turismo em Roma também fizeram um comparativo do Roma Pass. Confira [aqui].

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

16 comentários

  1. Oi, Diego!
    Sim, tranquilo! O Uffizi é um museu grande. O tempo de visita varia de acordo com o seu interesse pela arte, de 1h30 até mesmo 4 horas. As visitas guiadas organizadas por mim geralmente duram 2 horas. A Accademia já é beeeem menor e as obras de maior importância são realmente as de Michelangelo. Em no máximo 1 hora vc visita tudo! 🙂
    Abraços e obrigada pela visita!

  2. Babi, boa noite.

    Tou a idéia de passar 2 dias em Florença com minha esposa e depois seguir para fazer base em alguma cidadezinha perto de Siena e conhecer a Toscana de carro por mais 5 dias. Me preocupou um pouco quando você colocou que estes dois museus seriam imperdíveis e ai fiquei me pertguntando. Dois dias daria para ver os dois museus e ainda conhecer a cidade ? Estes museus são muito grandes ?

    Obrigado.
    Diego

  3. Oi, Anônimo!
    Dá sim para comprar antecipado o ingresso do Brasil através do site do Polo Museale Fiorentino.
    Abraços,

  4. AvatarAnônimocomentou

    Oi! Da p comprar esses ingressos separados do brasil? Nao vou comprar o firenze card

  5. Oi, Francis! Tem outra associação chamada Amici del Bargello que custa ainda menos para se associar (35 euros), com os mesmos benefícios do Amici degli Uffizi. Eu já usei a carta de associado e acho que vale muito a pena, pois se comprar ingresso para Uffizi + Accademia com reserva e mais um museu/palácio qualquer, já paga o valor de associação!

  6. AvatarFranciscomentou

    Babi, e sobre o Amici Degli Uffizi, acredita que valha a pena?

  7. AvatarValériacomentou

    Muito obrigada. Você é muito gentil e seu blog além de ser muito gostoso de ler é de uma delicadeza ímpar. Parabéns.

  8. Oi, Valéria! Isso mesmo, basta mostrar o seu passe na entrada dos museus para entrar sem fila a qualquer momento. Lembre-se que as 72 horas começam a contar a partir do momento do primeiro utilizo do passe! Abraços!

  9. AvatarValériacomentou

    Babi,
    com o Firenze Card eu posso reservar o horário de entrada e não preciso pagar, é isso?
    Ou só preciso chegar em qualquer horário e simplesmente por tê-lo a minha entrada é facilitada? Muito obrigada!